Ser referência | seja referência | sou referência

Tem se falado muito ultimamente em “ser referência”. Comecei a pensar sobre isso e me recordei da palestra do Marcos Scaldelai que assisti essa semana. Ele falava que a pior coisa é você ser mediano, que para se ter sucesso são necessárias 3 coisas:

  1. Ser referência;
  2. Manter-se em destaque;
  3. Com resultado.

E aí vem a tal de “ser referência” e para isso, você precisa sair do óbvio. Você precisa ter ATITUDE, precisa se INOVAR e se REINVENTAR constantemente.

Podemos dizer que para ser referência hoje, você precisa ser melhor que ontem. Sabe por quê? Porque a briga deixa de ser com o seu concorrente e passa a ser com você mesmo. Exatamente, o que posso fazer hoje para ser melhor do que ontem? E isso vale para qualquer área. E além disso, é muito importante você manter o olhar para fora, para o mercado, para o cliente.

E hoje não se fala mais em suprir expectativas, pois é, o foco mudou. Agora a pergunta que precisamos responder é: o quanto você é relevante na vida das pessoas? O quanto sua organização é relevante para o mercado? Mas não aquilo que você acha, porque nós adoramos achar coisas. É verdade! E quando a gente acha, olhamos de dentro para fora e ficamos míopes. Por isso, como comentei antes, é importante mantermos o olhar fora. Por que os outros acham que eu sou relevante? O que eu faço para ser relevante? Por que os meus clientes acham que a minha organização é relevante?

Entenda o seu cliente.
Gere valor para o seu cliente.
Seja relevante para o seu cliente.
E assim você será referência!

Saskia Elaine Otte Asquel

 



Deixe uma resposta